Páginas

2.4.10

Enlouqueci





Eu enlouqueci

Porque é preciso enlouquecer pra ser feliz

Eu descobri a chave da felicidade

E isso faz parte da minha loucura

Ser diferente

Pensar coisas diferentes

Desenvolver teorias diferentes

Mudar de idéia

Me convencer de que eu estava errada

Me convencer de que estou certa

Superar minha loucura

Sendo ainda mais louca

Por achar que sou normal

E novamente voltar ao normal

Na minha própria e doce loucura

Que me alimenta a cada dia

Acho que é a musica que me deixou assim

E as pessoas que amo

Como você

Pessoas que fazem valer a pena

Vou deixar essa brisa suave

Me levar junto dela

Me girar pelos céus

Me tomar toda

Me invadir com alegria

Como pétalas de flores

Levadas ao sabor do vento

Abro meus braços ainda mais

Fecho meus olhos

E me rendo

Me rendo

Me rendo

Eu me rendo

- Felicidade

Estou aqui

Voltei

Não para te possuir

Mas para fazer amor com você

by Branca - Todos os direitos reservados




33 comentários:

Jean B. disse...

Ler o q vc escreve é sempre uma experiencia nova, adoro seus poemas pois eles sempre me trazem algo a mais. Me levam àquele lugar escondido dentro de mim.

Anônimo disse...

Oq dizer?
SOu apenas uma eterna apaixonada, pelos poemas, e uma eterna aprendiz de Branca!
Felicidade...Ela está afim de vc, rs!

Ricardo Pato disse...

Mtu lindo o texto...acho que um dos melhores que vc escreveu!!!!

Mais uns 5 ou 6 textos desses e já pode mandar encadernar e ir diretos às livrarias...rs


Besos

Bê Sant Anna disse...

é, Branca... bom, né?!?

Bruno Alves disse...

O amor toma conta da gente no instante em que aprendemos a nos amar...

ótimo blog

ps:quando estou passeando na blogosfera e encontro um blog como o seu que escreve com sentimentos fico muito feliz em saber que ainda existe pessoas assim como você !

...seguindoo

ronim disse...

o "eu" só é odiavél, não sabe amar e se amasse como deveria, ele se libertaria da sua prisão espiritual. amar a si mesmo como a um estranho se opõe evidentemente ao egoismo, a injustiça e a escravidão tirânica do "eu". talves estas palavras sejam o que melhor a define: um amor libertado do ego, isto é evolução. bjs

Nike disse...

Me encantei com a maneira que escreve!
Seu blog é lindo! Parabéns!
Votarei!
Beijos

Nike

CAC disse...

Nossa lindo texto, sua maneira delicada de contar é linda, obrigado pelas palavras lindas no meu blog, que Deus esteja sempre com vc um abraço.Vou seguir seu blog se quizer me seguir tbm sera um prazer.

Nike disse...

Obrigada por suas palavras Branca, é tão bom encontrar pessoas que sabem bem o que sentimos...
Estou seguindo seu blog... e é será um grande prazer ter vc como minha seguidora também...

Um beijão em seu coração!

Davi Machado disse...

Oi Branca!
Que blog lindo este seu!!!
Adorei este poema, e o desfecho então, é uma espontaneidade incrível!
tomei a liberdade de ser mais um dos seus seguidores, voltarei sempre!

bjs

D.Machado

Bê Sant Anna disse...

Estive pensando, Branca.
Sobre a Posse X Felicidade...
Tem um livro do mesmo autor de "A Alma Imoral" o rabino Nilton Bonder que fala justamente sobre essa questão. Se chama "Ter ou não ter, eis a questão."
Ele diz um pouco da eterna dicotomia na relação entre ter e ser... Seguidores da Branca, vale ler esse livro.
Sua poesia também é multicores, Branca. Leve-as ao vento...

The Well disse...

Este foi um dos blogs mais inspirados, sensíveis e belos que já entrei até agora! voltarei outras vzs para apreciar e peço licença p/ divulgar.

aam-00 disse...

a eterna busca pela felicidade,
se ainda não a encontramos
devemos mudar nossa rota;
A normalidade não condiz com a felicidade.
muito bom mesmo parabéns.

Felicidade Clandestina. disse...

Loucura pura

e beleza nessas palavras que só
vc como ninguem consegue usar (:

Beijos mil flor!.

suellen nara disse...

Olá. Fiquei muito contente com o seu comentário no Fluoxetina. Gosto de saber que pessoas como vc ainda me lêem. Melhor ainda quando descubro que meu texto serviu para alguma coisa. Andei em crise de falta de inspiração e agora parece que a coisa anda...
Passei aqui várias vezes, mas na correria acabo não comentando.
E que bom que achou o Fluoxetina, o pessoal é muito maluco.. rs
Abraço, e ótimo 2010 pra nóis!

The Well disse...

Anda, sim! nem que a gente tenha que empurrar!! 2010, lá vamos nós!!!

Nike disse...

ola minha linda
Passei por aqui, para lhe desejar um excelente 2010 cheio de surpresas agradáveis, alegrias, amigos, saúde, e tantas outras coisas que possam sonhar... Pois você merece.
Um grande beijo no coração

guru martins disse...

...essa
é tão intensa
que o único
comentário cabível
é esse:
MUITO INTENSA!!

etbj

Pequenês F.M disse...

Uoww

Adorei esse ai *_*
magnífico,belo,intenso,
simples e leva
*-*
vc tem um fãn \o/
é uma ótima escritora

Mesquita! disse...

"superar minha loucura
sendo ainda mais louco
por achar que sou normal"

Gostei muito desta parte... Você tem algum livro? ou só escreve por diversão?

Jonathan disse...

Isso me lebrou Raul seixas rs

Seja louca, mude sua opinião, mude sempre, faça aquilo te faz feliz.

;)

Juηiøя disse...

Muito lindo o texto vou voltar aki mais vezes!!!

Larissa Baptista disse...

estou te seguindo com certeza!
adorei seu blog e o q vc escreve!
vc faz dele algo especial naum soh pra vc,mas pra quem o lê..
q bom q gostou do meu e se identificou,eu realmente fico mto feliz..
não deixe de escrever,pq naum deixarei de visitar vc..
bjos

Francorebel disse...

Adorei!

fabis disse...

muito bom achei muito loko o layout do blog parabens

http://afffveioo.blogspot.com/

Z.K. disse...

Tem um "balanço" essa poesia (?)
Ela me levou de um lado pro outro /mto esquisita essa sensação D:

ñ sou mto sensível(?) mas eu gostei ^^ rs

Z.K. The Secret Letters
http://the-secret-letters.blogspot.com

Mademoiselle Lidd disse...

As vezes amar é estar a beira da loucura.
Adorei seu poema, ele diz muitas coisas.
Parabéns, você escreve muito bem, conseguiu transmitir sensações através das palavras.

Nova Década disse...

Gostei do blog, to te seguindo me segue?
Comentei lá em baixo também! ;D

Ítalo Richard disse...

Uau! O que comentar?
Seu blog e sua poesia é um charme!

:)

guru martins disse...

...que
assim
seja!!!

bj

The Well disse...

Você sempre refinada em suas palavras... estou te seguindo e resolvi seguir tbm seu conselho: ativei meu blog - Pau de dar em doido > http://daremdoido.blogspot.com/ - faz uma visita e dá uma força! um xêro!!

Rui disse...

Viva!
Enlouqueça para os outtos, fique lúcida para o universo.
Viva!

Raphael Trew disse...

Fico feliz em saber que mesmo branca, não desapareceu em meio a escuridão da realidade.

Muito bom ler seu coração !